quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Outubro!

...tem sido um mes agradável, as coisas estam acontecendo tranquilamente, meu trabalho chega a estar bobo, com só duas crianças em casa, posso até fazer as unhas (eu sei, é feio, mas eu faço).

Eu morro pela boca, sempre. Falei aqui em alguma postagem antiga que todo mundo estava decidindo se ficava aqui ou ia embora e eu não, que estava certa que queria voltar, acontece que a vida dá voltas e agora eu quero ficar! Ai ais... o que eu faço?

Uma coisa é certa, vida de au pair, pra mim, nao dá mais, muito obrigada!

Só pra constar, minha host family está ótima comigo!

Não tenho mais planos de viagens, foco em juntar dinheiro pra ficar agora, caso eu não consiga ficar, aí sim, Disney e NY, se eu ficar, veremos!

Alguém ainda le isso daqui? Eu to sempre pensando que tenho que postar algo, mas ninguém comenta, será que estou falando para as paredes?

3 comentários:

Marine Pontes disse...

Oi Juu eu leio siiim!
Eu to indo pra Minnesota dia 1.. pra Eden Prarie lembra?? Aah eu lembro q antes vc me disse q ia voltar no final do ano... agora ta pensando em ficar né? Eu q ainda to indo pra ai as vezes penso q vou ficar dois anos, as vezes não... só ai pra saber né, acho pra cada uma a vida é de um jeito nem dá pra comparar! Mas então talvez a gente se esbarra pelo MN né! Ahh já to com a PID, lembra q vc me ajudou por e-mail??? Pois é consegui ela!! Agora vai ficar mais facil...
Continua escrevendo sim!!
Bjs!

GaB. disse...

Eu também leio, sempre!
Adoro saber como tu está aí (:
Que bom que tu quer ficar. Eu tambén se tivesse aí nao ia querer voltar nuuunca.
aushusahauhas

Beeeijos.

Idiossincrasia'S disse...

Leio sempre, nem sempre comento. Venho aqui pra matar a saudade, para saber das últimas, como andas, com quem andas, essas coisas...

Essa coisa de morrer pela boca é defeito genético e, pelo que vejo, pode ser herdado. Eu tenho isso também: muitas certezas que se desacertam por conta das circunstâncias... Não há como ser coerente num mundo tão dinâmico como esse em que vivemos. Quando percebemos, as coisas já mudaram de rumo e o nosso mundo de direção...

Beijos, eu te amo e torço sempre para que tuas decisões sejam as mais acertadas pra ti.

Silvana